Três crenças a serem eliminadas na busca pela felicidade profissional

 

Conquistar a felicidade no ambiente profissional é utopia para muitos. Seja pela frustração por não conseguir atingir um objetivo, pela dificuldade em conciliar trabalho e vida pessoal ou por incertezas quanto aos rumos de sua carreira, essas pessoas criam barreiras que as deixam pouco produtivas e as fazem entrar em um círculo vicioso, em que reclamar é palavra-chave em seu repertório.

Uma pesquisa da companhia de seleção e recrutamento Robert Walters, divulgada recentemente pela revista Veja, mostra que superar desafios e manter equilíbrio entre carreira e vida privada são mais motivadores do que altos salários para a maioria dos 9.173 profissionais de cargos de média e alta gerência do Brasil e de outros nove países consultados.

Mas será possível ser feliz em um contexto onde as exigências para um bom desempenho são cada vez maiores? Em que subjetividades e metas a cumprir caminham lado a lado? Especialista em carreira, a consultora e coach, Eni Santos, explica que qualquer pessoa pode obter sucesso profissional. Mas, para tanto, é necessário eliminar três crenças destrutivas. 

A primeira é a de que “trabalho serve apenas para ganhar dinheiro”. De acordo com Eni, “quem enxerga sob essa ótica, não percebe que a atividade profissional também deve contribuir para o desenvolvimento pessoal e não ficar restrita apenas ao aspecto financeiro”.

A segunda conduta a ser abandonada é a de condicionar a felicidade a fatores sobre os quais não é possível exercer controle. Segundo a profissional, frases como “esse trabalho seria muito bom, não fosse o meu chefe, o colega, o sistema, o cliente...” devem ser esquecidas, porque levam a pessoa a se posicionar sempre como vítima das circunstâncias e a viver em função de suas próprias reclamações.

Por fim, a consultora ressalta a importância de assumir o controle e deixar de ser coadjuvante de sua própria trajetória profissional. “Apague a ideia de que o sol brilha somente para alguns. Seja protagonista de sua história, pense em mudanças e, principalmente, provoque-as! Quando a pessoa acredita ser a única responsável por ‘fazer acontecer’ e entende que os limites são impostos por ela mesma, a satisfação profissional aparece, sem demora!”.

SOBRE ENI SANTOS

Com 20 anos de experiência, Eni Santos é mestre em engenharia de produção, pós-graduada em marketing, administradora e coach credenciada pela Integrated Coaching Institute. Atua como consultora em empresas de vários portes e segmentos, com trabalho direcionado a gestão de clientes, desenvolvimento de liderança, relações humanas no âmbito de trabalho, educação corporativa e desenvolvimento profissional. Também leciona em cursos de graduação e pós-graduação de universidades do interior de São Paulo. Entre seus clientes estão Caterpillar do Brasil, Case IH, Indústrias Romi, 3M do Brasil, Jeanseria Jeans, Coplacana.

Mais em www.enisantos.com.br.

Atendimento à imprensa:

Últimos Artigos

Avenida Brasil, 1500
Ed. Torre New York, sala 201
Americana/SP | 13465-770
19 99781-7984 | 19 3461-0143


eni@enisantos.com.br

©
Warning: date() expects at least 1 parameter, 0 given in /home/enisantos/www/templates/neticombrasil/index.php on line 236
- Eni Santos
Desenvolvido por Neticom Brasil - Agência Web